1 mês atrás - por Yasmin Vitoria

Provavelmente você já não aguenta mais ficar ouvindo sobre promoções, Black Friday, e os seus preços que parece que só estão abaixo naquele determinado dia. Parece que os preços sempre foram altos daquele determinado produto, o ano todo se passou e aquele produto sempre foi caro, então chega o dia da Black e as lojas começam a anunciar que o produto está pela metade do preço.

A Black Friday sempre acontece depois do dia de ação de graças. Nos Estados Unidos, eles celebram o dia de ação de graças e logo após isso vem a Black Friday.

O dia de ação de graça significa a colonização britânica da América do Norte, então não faz sentido os brasileiros fazer ação de graça. Porém a Black Friday vale a pena fazer no Brasil, pois a maioria dessas promoções são para queimar estoque disponível na loja ou que não venderam no ano todo.

O começo da “Black Friday”

Em 2010 foi o ano em que o Brasileiro começou definitivamente a aderir essa modalidade de negócio no Brasil, e desde então as vendas só vêm aumentando a cada ano com a Black Friday.

Em 1869 o termo Black já foi usado para quando os dois acionistas de Wall Street resolveram comprar uma grande quantidade de ouro nos Estados Unidos, que logo em seguida eles tinham um planejamento de vender muito mais caro, porém naquele ano o preço do ouro quebrou e deixou muito investidores de Wall Street arruinados, o que fez muita gente perder dinheiro naquela época, por isso o termo “Black”, pois se refere aquela crise daquela sexta-feira.

A Black Friday no Brasil

Então depois de muito tempo surgiu o termo “Black Friday” e você vai entender como isso tudo surgiu depois. Em 1960 na Filadélfia os policiais usavam o termo Black Friday para se referir após o dia de ação de graças que seria a sexta-feira, pois naquela sexta-feira todo ano a cidade virava um caos, muito trânsito, pessoas indo e vindo devido a ação de graças e muitas compras, por isso os policiais aderiram a sexta-feira com o termo Black.

Devido a toda essa movimentação, os comerciantes tiveram a brilhante ideia de aproveitar e fazer promoções nesse dia, queima de estoque e atrair mais clientes para as suas lojas. E foi assim que tudo começou a acontecer, e depois dos anos 1980 que a Black foi se popularizando em todo os EUA.

Lucros da Black Friday

Depois de começar esse termo, os comerciantes começaram a anotar os ganhos e prejuízos, anotando assim, os ganhos com a caneta preta e os prejuízos com a caneta vermelha, então depois da ação de graças, as sextas feiras virou uma oportunidade para os comerciantes e donos de lojas, pois os lucros começaram a ser altos, e o termo “Black Friday” começou a ser usado para as promoções de fim de ano.

O termo se popularizou tanto que vários países principalmente o Brasil começou a copiar essa modalidade de negócio e deu super certo, até hoje o Brasil usa a Black para fazer promoções e vender muito mais nos finais de ano.

Fonte: Renda e dinheiro

 

<